sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Italianos, Tchecos e Suíços.

free countersFazer turismo em um país pode até não mostrar realmente como é o seu povo ou como seria morar nesse país. Mas pode dar uma boa ideia como agem as pessoas, como é o humor de um povo, como vivem,etc, etc...
O que achei de cada um dessas três cidades que conhecemos em nossa última viagem à Europa?
Firenze é uma cidade mega agradável,com muita história pra conhecer, comidas deliciosas, passeios imperdíveis como a Piazzale Michelangelo, o Mercado central etc e etc...Mas os italianos, vamos dizer assim, não são sempre muito amistosos e gentis...Muito pelo contrário: não gostam de dar informações, são estressados...Claro que nos hotéis fomos muito bem recebidos, mas nas ruas, a coisa ficou muito diferente.Além disso a cidade está repleta de pedintes, muitas ciganas esmolando, o que é uma pena...
Praga é uma cidade belíssima, em cada esquina uma obra de arte e música clássica pra todo lado. Praga passa uma sensação de mistério e aconchego ao mesmo tempo. O natal mais lindo e típico que pude sentir..Mas seu povo, apesar de belíssimos( como são lindos de verdade), não são muito chegados a uma brincadeira, vamos dizer que são um pouco sérios demais...Talvez reflexo de seu passado com tantas invasões...quem sabe...
Lucerna é uma cidade lindíssima, e mais linda ainda toda enfeitada pro Natal...E os Suíços? Esses sim, são mega especiais...Por onde passamos encontramos pessoas prontas a nos ajudar, a bater papo misturando alemão com inglês...Como estávamos de carro alugado entre Zurique e Lucerna e já era noite tivemos dificuldade de encontrar a entrada do morro que dava acesso ao hotel. Precisamos procurar ajuda e encontramos muitas pessoas solícitas a nos ajudar...
Também , um dia, após um passeio a pé pela cidade de Lucerna, tivemos dificuldade d
e encontrar o caminho de volta pro teleférico que nos levaria ao hotel...e um rapaz percebendo que estávamos perdidos veio ao nosso encontro oferecendo ajuda...
Eu sei que tudo isso é apenas uma amostra pequena da realidade de um país e seu povo...Mas pode dar um indicativo do que encontrar por lá...Ou não?

Vamos ali de Ferrari?

free counters No passeio à Piazzale Michelangelo, um coisa, alías duas coisas, que chamaram muito atenção do Re foram duas Ferraris lindonas que estavam enfeitando a praça. Chegamos mais próximos e descobrimos que era possível alugar um dos modelos para dar uma voltinha. E foi o que o Re fez: realizou seu sonho de bambino, como falou o italiano. O aluguel incluía a filmagem...E esta foi uma das melhores coisas que o Re fez( segundo relato dele) nessa nossa última viagem à Europa. O modelo escolhido por ele foi Spider. Lindona. Sonhos são pra serem realizados, sempre que possível, não é?

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Comer-beber-beber-comer-beber-comer....

free counters
Itália: de longe é o melhor país pra comer.Também adoro massas e elas são realmente deliciosas em Firenze. As cervejas idem.Mas, apesar da beleza das fotos não acho as pizzas grande coisa. A massa é fina demais e o molho muito forte. Isso é uma opinião pessoal. Gosto é gosto..Agora, o capuccino é maravilhoso...e só de pensar já fico com vontade.Em Livorno comemos um big camarão delicioso,no restaurante Chez Renee...Vale a pena conhecer(Via san lacopo in Aquaviva,n.3). Atendimento nota dez!
República Tcheca: aí, a dificuldade começa já no cardápio, mesmo em bons restaurantes como o Café Louvre em Praga, com o cardápio traduzido pro inglês é muito complicado entender os ingredientes.O que prevalece na culinária Tcheca é a carne: muita carne de porco, pato, coelho.Agora as cervejas...ah, essas são sensacionais!!!
Também aprovei muito o Tredelnik, uma espécie de biscoito assado num rolo com amêndoas...De-li-ci-o-so...Nas feirinhas de natal, muito salsichão,joelho de porco e presunto...
Fica a dica do Café Louvre: sempre cheio, mas com ótima comida e bons preços.http://www.cafelouvre.cz/en/
Já no hotel o café da manhã tinha aquelas panquecas deliciosas, além do típico café inglês, com feijão, molho e salasichões.
Na Suíça acabamos comendo mais no próprio hotel, Chateau Gustch. Comemos uma massa com molho de nozes delicioso.O destaque fica pros chocolates deliciosos que compramos nos supermercados...
Enfim, aqui está um pouquinho de nossa experência gastronômica que tivemos nesses três países. Como não somos muito exigentes acabávamos comendo perto da atração turística pra não perder tempo.Mesmo assim posso dizer que tivemos ótimas experiências com esse novos sabores.
Obs: a foto do milho cozido foi no Castelo de Praga, e conforme o Re, foi o pior milho que comeu na sua vida!